Vitória! Relatora da PEC 101/19 emite parecer favorável à admissibilidade da proposta

No último dia 15/07, a deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) do Acre e relatora da PEC 101/19 emitiu parecer favorável à admissibilidade da proposta. Com isso, não há nenhum empecilho para que a PEC 101/19 possa ser analisada pela Câmara dos Deputados.

A PEC 101/19 dispõe sobre a concessão de Plano de Saúde aos servidores da extinta Superintendência de Campanhas de Saúde Pública – SUCAM, que manusearam o inseticida Dicloro-Difenil-Tricloroetano – DDT. A PEC foi proposta após inúmeras mortes de servidores em vários estados do Brasil, inclusive Minas Gerais,

especialmente os relacionados a mortes precoces por faixa etária, e informações de laudos periciais judiciais que sugerem uma relação direta por  intoxicação dos profissionais que manusearam o inseticida Dicloro-DifenilTricloroetano (DDT) na extinta Superintendência de Campanhas de Saúde Pública (SUCAM). Não bastasse, a grande maioria desses profissionais está desassistida de assistência médica e de tratamentos especializados, situação essa que agrava a qualidade de vida dos trabalhadores que sobrevivem com constantes problemas de saúde.

O parecer favorável da relatora é um grande passo rumo à concessão de Plano de Saúde aos servidores da extinta Superintendência de Campanhas de Saúde Pública – SUCAM, que manusearam o inseticida DDT. Agora devemos nos unir e pressionar o Congresso a aprovar essa proposta que esse grupo de trabalhadores possam desfrutar dignamente da vida pós uma importante missão da proteção de saúde do povo brasileiro, em especial no processo de colonização nas diversas regiões deste País, e assim, poder estancar a mortalidade precoce desse grupo de trabalhadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =