Atos “Fora Bolsonaro” fortalece a luta em BH e nas cidades do interior pelo impeachment já

Belo Horizonte reafirmou, neste sábado, 24 de julho, seu compromisso com a luta pelo impeachment já e pelo “Fora Bolsonaro”. No quarto ato presencial realizado em menos de três meses, milhares de pessoas saíram às ruas para defender a democracia, exigir vacina no braço, comida no prato, emprego, auxílio emergencial de R$ 600, defender as empresas públicas, protestar contra as privatizações, a reforma administrativa. E mais uma vez, o SINDSEP-MG, representado pelos diretores Jussara Griffo, Rogério Expedito, José de Arimatéia, Dandara Oliveira, Maria da Conceição dos Santos, Maria de Lourdes Silva – se fez presente às manifestações, que ocorreram também em várias partes do estado como Juiz de Fora e Araguari.

Convocados pela Central Única dos Trabalhadores de Minas Gerais (CUT/MG), demais centrais, movimentos sindical, sociais, populares, estudantis e lideranças políticas, os manifestantes se concentraram na Praça da Liberdade. De lá, pessoas de todas as idades, tendências, classes sociais, lideranças políticas saíram em passeata pelas ruas da capital. Todos indignados com a política de morte do governo Bolsonaro – responsável por mais de 550 mil mortes pela pandemia de Covid-19, e também pelo aumento do desemprego, da fome, da miséria em todo o país.

A passeata, iniciada por volta das 15h30, seguiu pela Avenida Brasil, Praça Tiradentes, Avenida Afonso Pena. O ato foi encerrado no início da noite na Praça Sete, Região Central de Belo Horizonte. Os organizadores garantiram que mais atos, protestos e mobilizações serão realizados e que só sairão das ruas quando o governo de Jair Bolsonaro cair.

“Estamos nas ruas para lutar contra um governo que está destruindo as políticas de emprego e de trabalho, desmontou o Ministério do Trabalho, e quer destruir o Estado brasileiro com a PEC 32, da Reforma Administrativa. Não podemos permitir que isso aconteça. Por isso, temos que continuar unidos e nas ruas”, afirmou Jussara Griffo, diretora do SINDSEP-MG.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − catorze =