INSS volta a exigir prova de vida a partir de 1º de junho

A Portaria nº 1.299 do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), publicada no dia 13/05no Diário Oficial da União (DOU), define que quem não fizer a comprovação de vida a partir de 1° de junho – até 31 de dezembro, dependendo da data prevista – terá o benefício bloqueado.

A obrigatoriedade foi suspensa por várias vezes, desde 31 de maio do ano passado, com o intuito de evitar aglomerações durante a pandemia pela covid-19. “A rotina citada abrangerá, na competência maio de 2021, os benefícios em que não houve a realização da comprovação de vida por nenhum canal disponibilizado para tal procedimento, sendo estes selecionados para integrar o primeiro lote do processo de comprovação de vida por biometria facial”, afirma a portaria.

A comprovação pode ser feita pelo aplicativo Meu INSS ou em agências bancárias, caso o segurado já tenha a biometria facial pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Caso não tenha, será necessário comparecer à agência bancária na qual recebe o benefício, com documento de identificação com foto, para a prova de vida.

O segurado que por algum motivo não pode sair de casa, poderá cadastrar uma pessoa como procuradora para fazer a prova de vida. Sendo necessário enviar o requerimento no app do Meu INSS e acessar a opção “Agendamentos/Requerimentos”.

Ao abrir a opção, deve-se clicar em “Novo Requerimento” e digitar no campo de pesquisa a palavra “procuração”. E depois, enviar os documentos solicitados.  

Prova de vida nas agências bancárias

Algumas instituições financeiras fazem a prova de vida por meio de biometria digital, com o reconhecimento da impressão digital do segurado pela máquina de autoatendimento.

Outros exigem a apresentação de um documento com foto (carteira de identidade, carteira de trabalho ou carteira de habilitação) a um funcionário para que a atualização de dados seja concluída.

Uns consideram que a prova de vida deve ser feita no mês de aniversário do segurado. Outros optam por convocar o interessado quando se completa um ano do último procedimento. Confira como fazer a prova de vida em algumas instituições bancárias:

  • Caixa Econômica Federal (CEF) – Basta ter a biometria cadastrada. Segundo a CEF, qualquer operação com a biometria já é considerada prova de vida. Mas sugerimos conferir com o banco.
  • Banco do Brasil – Pode ser feita pelo aplicativo do banco sem precisar sair de casa. No aplicativo, acesse “área de serviços”, depois clique em “INSS”. Fotografar um documento frente e verso e também um foto do segurado.
  • Bradesco – A comprovação é apenas nas agências, que abrem uma hora antes do expediente bancário para atender os grupos prioritários. Pode ser feita no caixa eletrônico, se tiver biometria cadastrada.
  • Itaú – Oferece duas possibilidades: Nos caixas eletrônicos, com o uso da biometria ou nos guichês. As agências têm um horário especial – das 9h às 10h -, exclusivamente para atender os beneficiários do INSS.
  • Santander – Feita nos terminais de autoatendimento com o uso da biometria.

Confira o Calendário:

Competência de vencimento da comprovação de vida Competência da retomada da rotina
Março e abril/2020 Junho/2021
Maio e junho/2020 Julho/2021
Julho e agosto/2020 Agosto/2021
Setembro e outubro/2020 Setembro/2021
Novembro e dezembro/2020 Outubro/2021
Janeiro e fevereiro/2021 Novembro/2021
Março e abril/2021 Dezembro/2021

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 12 =