Ebserh desrespeita seus trabalhadores e pede prorrogação de prazo para apresentar resposta sobre o ACT 2020/2021

No último dia 30/04, a direção da Ebserh enviou um comunicado ao vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST) solicitando prorrogação de prazo, de 20 dias, para que o Ministério da Economia apresente uma resposta sobre a última proposta apresentada.

Em sua justificativa, a Ebserh alega que, por ser empresa estatal e totalmente dependente do Tesouro Nacional precisa encaminhar todas as propostas que impliquem em algum tipo de impacto financeiro para o Ministério da Economia.

Num misto de intransigência e falta de respeito para com os (as) trabalhadores (as), a Ebserh afirma que vem tomando todas as providências necessárias para submissão e discussão das propostas com o Ministério da Economia. Além disso, a empresa diz se pautar em compromisso e seriedade e que está engajada nos debates e na busca por alternativas viáveis à negociação.

Ora, se a empresa realmente estivesse “engajada” e se preocupasse com seus empregados não estaria “empurrando com a barriga”, uma negociação há mais de um ano e, apresentando como proposta 0% de reajuste e mudança na base de cálculo do adicional de insalubridade que pode representar uma redução de até 27% na remuneração dos (as) trabalhadores (as).

Não bastasse, a empresa solicita a prorrogação das cláusulas do Acordo Coletivo de Trabalho 2020/2021, por mais 30 dias. O prazo terminou no dia 30/04.

Atuar com seriedade e compromisso seria a Ebserh dar um fim ao impasse nas negociações e premiar com um reajuste digno, os (as) trabalhadores (as) que arriscam suas vidas, diariamente, para salvar milhares de brasileiros, desde o início da pandemia de coronavírus.

Indicativo de greve

Diante do impasse no processo de negociação do ACT 2020/2021, os trabalhadores da Ebserh, presentes à Plenária Nacional da categoria, realizada no dia 27/04, aprovaram um indicativo de greve.  O indicativo foi aprovado por mais de 96% dos mais de 800 trabalhadores (as) presentes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 3 =