O Dia Internacional da Mulher é um dia de luta!

Nessa data tão importante, não poderíamos deixar de citar a participação das mulheres no serviço público, que segundo dados do Ipea chega a 59%. Mas devemos lembrar que apesar de maioria, as mulheres tem remuneração média inferior a dos homens, mesmo ocupando cargos similares.

Essa disparidade tende a ficar maior, e mais evidenciada com a reforma administrativa, anunciada pelo governo federal. A reforma não prevê uma correção para a desigualdade, entre homens e mulheres no serviço público, pelo contrario, abrem-se brechas para a manutenção de um sistema patriarcal e a privatização dos serviços públicos.

Outro ponto importante é que com a privatização dos serviços, as mulheres serão a parcela da população mais afetada, sendo as maiores usuárias do sistema público. Esse fato fica evidente quando vemos que 70% dos usuários dos SUS, em 2020, eram mulheres.

Nossa luta não pode parar. Ela é diária!

#DiaInternacionaldaMulher #SindsepMG #8Março

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 1 =